quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Balanço de 2015 e Expectativas para 2016



Balanço de 2015 e Expectativas para 2016


Olá Amigos da PokerManiaBR!!!
Novamente estou aqui no último dia do ano fazendo um balanço e claro comemorando mais 1 ano de vida da PokerManiaBR!
Estamos completando 6 anos de existência!!!

Muitos sites e blogs não conseguem se manter vivos por tanto tempo, mas estamos ainda ativos pois gostamos do Poker e sentimos que ainda podemos ajudar muitos jogadores iniciantes a conseguir um capital inicial para começar a jogar Poker OnLine ou mesmo se aventurarem nas Apostas Esportivas de uma forma segura.

Acho que nos anos anteriores a postagem de balanço foi muito longa, por isso este ano farei uma bem resumida.


2015 na PokerManiaBR - Autocrítica e Metas para 2016

Quero inicialmente agradecer a todos os visitantes e amigos que com suas visitas diárias e comentarios nos incentivaram a manter o nível do site no mesmo patamar dos anos anteriores.
A presença de vocês é muito importante para a continuidade do site. 


Não posso esquecer também do amigo e parceiro MarcioCP, que tem me ajudado diariamente na manutenção do site, além de estar sempre escrevendo artigos e pesquisando no mundo do poker as publicações que são de relevância para o estudo do jogo. Sem esquecer os Vídeos do Canal PokerManiaBR do YouTube, que é montado a maioria das vezes por ele.
Além de que o MarcioCP é um especialista em Apostas Esportivas, e tem escrito diversas matérias para o estudo do assunto.
Acho que se ele não estivesse me ajudando não teria conseguido publicar tantos artigos como este ano de 2015.
Fica aqui registrado o meu agradecimento eterno a seu esforço pela PokerManiaBR.


Em 2015 demos continuidade a publicação dos  "Quadrinhos" com as aventuras de Corbin e sua família. O Bobby Crosby, criador dos quadrinhos +EV, parou de publicar as tirinhas na PokerStrategy, mas ainda temos diversas publicações para lançar aqui no site, e acho que até o final de 2016 ainda teremos quadrinhos para lançar. Os fãs, como eu, podem ficar tranquilos que não deixaremos de publicar todos os meses as historinhas de Corbin.


Em 2015 eu aumentei muito a quantidade de artigos das sessões:  "Artigos""Dicas e Estratégias" , "Sit and Go" e "e-Books e Livros".
Vou registrar aqui o que venho dizendo todos os anos, "você nunca vai se tornar um bom jogador de Poker se não estudar as estratégias do jogo."
Por isso estou sempre colocando aqui todo o material de qualidade que encontro na internet.
Em 2016 pretendo continuar dedicando mais tempo a encontrar material para estudo de qualidade.
Caso você tenha interesse em alguma estratégia específica para estudar nos envie um email (pokermaniabr@gmail.com ) que tentaremos encontrar.


Outra sessão importante de nosso site é a de "Bônus Grátis"!!
De que adianta estudar o Poker se você não tem dinheiro ou falta coragem para investir seu dinheiro para jogar?
Por isso considero importante as ofertas de dinheiro grátis que as salas de Poker oferecem para você treinar suas jogadas.

As salas de Poker tem limitado muito a oferta de capital inicial grátis para iniciantes. Mas elas estão aumentando as vantagens para quem deposita, até valores baixos como $10 ou $20 já são aceitos pelas salas e recebem os bônus de depósido que em algumas salas chega a 200% do valor depositado.

Vou continuar postando em 2016 essa sessão, atualizada todos os meses, sempre entre os dias 13 e 15 de cada mês, e espero que com muito mais ofertas grátis, mas também com os bônus de depósito para aqueles que tem algum dinheiro livre para investir no Poker.


Com a ajuda do MarcioCP a sessão de "Apostas OnLine" está garantida para 2016.
Todos os meses estaremos publicando os Bônus ativos das principais salas de apostas, sempre entre os dias 28 e 30, e pelo menos 1 vez por mês será publicado um post sobre apostas, com dicas sobre as estratégias e as novas salas disponíveis.
As Apostas Esportivas são tanto ou mais lucrativas que o Poker, portanto se você ainda não parou para estudar o assunto, faça isso logo.


As sessões de "Magicas com Cartas", "Analisando a Jogada", "Filmes de Poker" e "Frases do Poker" estarão todos os meses de 2016 sendo publicadas. 


E finalmente a sessão de "Videos"  vou estar sempre postando algo, mas caso você se interesse por vídeos recomendo que se inscreva em nosso Canal no YouTube ( Clique Aqui para se inscrever ), pois todas as semanas vai estar saindo algo novo lá, mas aqui no blog somente quando houver oportunidade.


Para aqueles que não conhecem, além do Canal PokerManiaBR no YouTube, temos também um perfil no Facebook ( Clique Aqui ) e um Twitter ( Clique Aqui ) onde divulgamos as postagens do blog e algumas coisas a mais.
Portanto se inscrevam no Twitter e YouTube e curtam no Facebook nossa pagina.


Expectativas para 2016


Tudo indica que 2016 vai ser um ano muito difícil para os brasileiros.
Os problemas econômicos e políticos prometem fazer encolher muito a renda de todos.
Mas é nessas horas que temos que procurar outras formas de melhorar nossos ganhos.
O Poker e as Apostas Esportivas são um bom caminho para se trilhar em 2016.
Claro que não existe "almoço grátis", tudo requer trabalho, dedicação e estudo, e o Poker não é diferente, mas aqueles que já estão trilhando este caminho já estão colhendo os frutos e provavelmente não sentirão tanto a crise como as demais pessoas.

Portanto comecemos o 2016 com a mente aberta, e o foco nos estudos. 
Com dedicação e perseverança conseguiremos, todos nós, vencer as dificuldades e atingir o objetivo maior que é a vitória, não só no Poker, mas também na vida.

Que 2016 seja para todos vocês, amigos, leitores e colaboradores, o melhor ano de suas vidas!!!!


Happy New Year!!!!

LukeKM ( PokerManiaBR )



quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Posição: A vantagem mais importante do Poker


Posição: A vantagem mais importante do Poker



Você procura jogar sempre em posição após o flop ou não dá muita importância a isso, já que o que importa são as cartas? Se você acha que no poker as cartas são o fator mais importante, talvez seja hora de mudar um pouco seus conceitos.

Um jogo de vantagens

O poker pode ser visto como um jogo de vantagens. Toda vez que você entra em um pote, você procura explorar alguma vantagem que você tenha (ou acredite ter) sobre o adversário.

O primeiro tipo de vantagem que vem à mente são as cartas, é claro. Cartas fortes são uma vantagem muito importante. Mas há vários outros tipos de vantagens que você pode usar para vencer: quantidade de fichas, sua habilidade, leitura sobre o adversário etc.

As vantagens são aleatórias, como as cartas que você recebe, ou são naturais dos jogadores, como habilidade e leitura de jogo. Mas há uma vantagem que se alterna regularmente entre todos os jogadores da mesa, e que além de tudo é a mais importante do poker. É a vantagem da posição.

Dizer que posição é importante no poker não faz justiça ao tamanho desse elemento no jogo. Posição é tão importante que com ela, você pode vencer até mesmo sem cartas.

O poder de jogar em posição

Ter vantagem na posição, ou “jogar em posição”, significa agir depois dos outros jogadores. Você tem a oportunidade de ver todo mundo jogar antes de você. Isso lhe dá informações valiosas sobre os oponentes e como você deveria jogar sua mão.

Por exemplo, se você vê o flop em posição contra outros dois adversários e os dois pedem mesa, você sabe que eles não sentiram muita firmeza em apostar com as mãos que eles têm. Por outro lado, se você estivesse fora de posição e fosse o primeiro a apostar, você não teria essa informação e teria que se preocupar com a força dos dois jogadores depois de você.

Assim, uma posição final é melhor que a inicial, e a posição correspondente ao botão (posição do dealer) é a melhor de todas: antes do flop, só os blinds agirão antes de você, e depois do flop você será sempre o último a agir. Entenda que os blinds não são posição final, apesar de quem está nessa posição agir por último antes do flop. O problema dos blinds é que além de colocarem dinheiro obrigatoriamente no pote, eles ainda são os primeiros a agir após o flop.

Lembre-se disso: não importa as cartas que você receba, você vencerá muito mais potes quando estiver em posição.

É impressionante a quantidade de jogadores que jogam fora de posição voluntariamente. Poker é um jogo em que você ganha dinheiro ao evitar entrar em situações difíceis com mãos meia-boca. Você não é penalizado por dar fold antes do flop! A pior coisa que pode acontecer é começarem a te chamar de nit… Mesmo assim, as pessoas ainda gostam de jogar fora de posição.

Não jogue fora de posição

Por que fora de posição é péssima ideia? A principal razão para isso é que você abre mão de uma vantagem e fica com menos opções. Fica mais difícil controlar o tamanho do pote, é muito mais difícil blefar. É mais difícil ganhar dinheiro com as boas mãos. Você tem menos informações que o adversário, e é ele quem tem a vantagem da posição sobre você. Se isso fosse uma batalha de exércitos, seria o equivalente a seu adversário estar encastelado no alto de um morro e você ter que subir o morro para lutar contra ele. Tudo está contra você.

Em resumo, jogar fora de posição é nadar contra a corrente. Não faça isso. Quando você não tiver como jogar em posição, a recomendação é simples: dê fold, a menos que você tenha as cartas e fichas para vencer a batalha.

Claro que isso não significa que você deve desistir do pote sempre que o button ou o cutoff entrarem depois de você. Sua leitura sobre o adversário ainda conta muito, mas é preciso que você tenha mostrado força antes, para ao menos acuar seu adversário e poder continuar liderando o ataque pós-flop.

Posição é o que importa! Lembre sempre disso. Pare de jogar fora de posição com mãos meia-boca e você vai evitar mais problemas do que pode imaginar.





segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

O Que Não Devemos Fazer Quando Jogarmos um Sit-And-Go


O Que Não Devemos Fazer
Quando Jogarmos um Sit-And-Go


Hoje nós vamos falar sobre o que nós não devemos fazer em um SNG (Sit And Go).
Fiquem atentos, pois essas dicas certamente ajudarão vocês a obterem êxito nas mesas.

Estudem bastante, se apliquem e certamente terão resultados.



1) Não incremente muito em SNG de limites baixos.


O abc do poker é o que te torna vencedor. Não existe necessidade de aplicar jogadas muito elaboradas. Espere pelas suas mãos boas e aposte forte com elas (como no item A-6). Se você recebe AK pré-flop, abre um raise, recebe um call, o flop vem T74, você faz uma aposta de 1/2 pot, recebe call novamente e erra o turn, a aposta no river será apenas um desperdício de fichas, a não ser que você acerte algo.


2) Nunca abra mini-raise pré-flop.


Isso é um desperdício de fichas. Em SNG de limites baixos, o BB e o SB dificilmente vão foldar em virtude de 1-1,5 BB. Além disso, se você tem uma mão forte como AK, você vai ganhar dinheiro a longo prazo fazendo com que seus oponentes coloquem mais fichas na mesa, quando você estiver provavelmente na frente.


3) Não aplique mini-bet no pós-flop.


Isso é um completo desperdício de fichas e não te leva a lugar algum. Se você tem uma mão com a qual você prefere não receber o call, uma mini-bet não vai fazer com que os seus oponentes corram. Se você tem uma mão com a qual você gostaria de receber o call, aposte mais para aumentar o pot. A melhor maneira de ganhar um pote grande com uma boa mão é apostando para aumentar o pote.


4) Praticamente nunca aplique mini-raise no pós-flop.


A única situação em que eu aplico o mini-raise no pós flop é quando eu tenho o nuts absoluto e o oponente faz uma aposta antes de mim.


5) Não se preocupe em variar a sua jogada para que seus oponentes não tenham leitura.


Eles simplesmente não prestam atenção, você não tem imagem de mesa em SNG de limite baixo. Além disso, não se preocupe em jogar mãos marginais para obter ação com suas mãos premiadas – se alguém tiver uma mão marginal como JTs você provavelmente vai ter ação jogando com o seu AA, mesmo que você tenha foldado as últimas 3 órbitas.

6) Não aplique um blefe em um jogador loose-passivo, que vai pagar o seu aumento pré-flop com lixo, e continuar dando call em suas apostas até o river com o menor par.
Isso é desperdício de fichas. É parecido com o que o Doyle Brunson disse – “Você não pode blefar contra um calling station, você tem que mostrar para ele a melhor mão no showdown”.


7) Nunca folde um AA ou KK pré-flop


Raramente você deve foldar QQ pré-flop, a não ser que tenha muita ação antes de você agir ou exista uma situação particular de bolha – exemplo: existem apenas 4 jogadores, você é o segundo em fichas, o último em fichas possui apenas 2 BB e o Líder em fichas vai de All In.


8 )Não se apaixone por mãos como AK e pequenos pares que precisam melhorar se você não acerta nada no flop.


Já presenciei inúmeras situações onde uma pessoa entre de limp pré-flop com 55, o flop apresenta somente cartas maiores, o herói aposta, é pago, erra o turn, aposta novamente, é pago novamente, erra o river, aposta novamente e é pago novamente, e perde um grande número de fichas para um jogador que apresenta TPNK. Ao jogar pequenos pares, lembre-se que você está jogando pela trinca no flop (set); Com cartas altas que não acertam o flop, como AK e AQ, lembre-se que a única coisa que você tem é um A como carta mais alta.


9) Não jogue quando você estiver tiltado, cansado, bêbado, irritado, etc.


Identifique as ocasiões em que você não consegue jogar o seu melhor jogo e simplesmente não jogue, essa atitude é super +EV. Mais importante ainda, se você estiver tiltado porque levou 6 bad beat seguidas NÃO FAÇA um move-up para tentar recuperar o que você perdeu. Existem várias estatísticas no sharkscope de jogadores que perderam o dinheiram nos SNGs de $6,50 e foram doar dinehrio nos SNG de $16,00.

10) Não pense que “Eu não consigo ser vencedor nos SNGs de $5,50, mas se eu fizer o move-up e jogar contra jogadores que respeitam o meu aumento, eu serei vencedor”.
Essa assertiva está incorreta. Claro que os jogadores dos limites mais altos jogam melhor e optam por largar maior número de mãos para raises pré-flops ou apostas pós-flop, mas existem várias outras maneiras deles lhe vencerem – eles serão muito mais agressivos, demonstrando maior entendimento dos conceitos de ICM e da forma como se jogar a bolha. Se você não consegue vencer de maneira consistente os SNG mais baratos, não jogue os mais caros.

Abraços a todos e até o próximo post!


Thiago Pessoa

Escrevo também no:

Fonte: PokerLab



sábado, 26 de dezembro de 2015

Atitude Profissional no Poker


Atitude Profissional no Poker


Um jogador de poker precisa de uma atitude profissional para poder ter sucesso - infelizmente isso é uma das qualidades mais subestimadas de um bom jogador. Só talento não vale nada se não houver uma atitude razoável direcionada à leitura,aprendizado e otimização das suas próprias habilidades. Primeiramente,e mais importante: Para ter sucesso nos limites médios,você deve ter ciência de um fato.Nesse ponto você não é necessariamente um bom jogador.Infelizmente a maioria das carreiras no poker acabam nesse ponto.A carreira acaba antes de começar.O capítulo 1 vai explicar o porque.


Capítulo 1



A desculpa do downswing


Existe uma regra que você deve ouvir se você quiser começar a jogar poker lucrativamente.Eu estou falando da chamada "desculpa do downswing" e se livrar dela.Todo iniciante deve gravar a seguinte frase para si:

"Não existe downswing no poker,apenas mãos mal jogadas" ;

Agora todos os auto-denominados profissionais irão pular e rir.Estão todos os Sklanskys e Greensteins desse mundo realmente errados?

O homem parece nascer com uma grande capacidade: Ele é o mestre de achar e inventar desculpas.Ele irá inventar qualquer coisa para justificar o seu comportamento,azar ou erros.Você pode encontrar tais desculpas todos os dias,no trabalho,em casa,em esportes.

"O amor da minha vida me deixou,coitado,e agora tem um novo!"

É muito mais agradável se mostrar como coitado - em vez de admitir que você errou porque decidiu passar várias noites jogando bilhar com seus amigos em vez de fazer algo com a sua namorada,que estava sozinha em casa.

Ou seu colegas é promovido e você pensa que você merece muito mais do que ele.Mas aqui também,Nós gostamos de omitir a realidade: O seu colega de trabalho se dedica à empresa e as vezes trabalha 10 horas extras durante o fim-de-semana,enquanto você preferiu ficar em casa por uma semana para se recuperar daquela doença super grave chamada resfriado.

Ou talvez seja aquela partida de futebol com o juiz incompetente,que favoreceu o outro time.Desde a queda de Robert Hoyzer,tal desculpa está mais próxima de todos nós,especialmente na liga C onde ainda é pela honra.

Como você pode ver,o homem não conhece fronteiras quando procurando e encontrando desculpas para explicar seu comportamento falho.

Esse hábito do homem nada mais é que um mecanismo de defesa.Similar a quando nós fechamos nossos olhos por reflexo quando um objeto se aproxima (Tomara que na maioria dos casos seja uma mosca e não um punho),nós também protegemos o nosso ego.Os exemplos acima são geralmente mecanismos de defesa,ou,colocando de outra maneira,paredes psicológicas que protegem o nosso senso de auto-valor.

E todos aqueles que são honestos consigo mesmos irão concluir que eles também,usaram esses mecanismos uma vez ou outra.A prontidão com que nós passamos ao modo defensivo quando a nossa pessoa ou comportamento é criticado é expresso pela seguinte frase:" O outro cara está errado!" Não é difícil pensarmos que talvez a crítica seja justificável?O comportamento padrão em tal situação é de retaliar com um argumento que não poderia estar mais distante do assunto em foco: "Você não acha que você é bastante arrogante as vezes?" Resposta: "Pelo menos eu não sou tão chato quanto você!" A fundação perfeita para uma grande discussão sobre o que somos acusados se mostra e nós preferimos continuar na ofensiva porque nos sentimos acuados.

Mas o que isso tudo tem a ver com poker?

A resposta é bem simples.Essas situações,que nós encontramos em nossas vidas diariamente,podem e serão fatais para o nosso jogo após um tempo,e fatal também para nossa banca. O problema é que muitos livros e artigos dão ao jogador de poker a desculpa perfeita de bandeja.

Existem inúmeros artigos sobre downswings .Assim que os iniciantes os lêem,eles tem a melhor desculpa que eles poderia pedir para o resto da carreira de poker deles (A não seu que eles sigam o conselho deste artigo).Não é mais fácil pensar que você tomou alguns bad beats ou está em um dowswing terrível - em vez de pensar no que você fez de errado na ultima mão?!.

Também é muito mais fácil pensar que você tomou um bad beat em vez de olhar a mão de novo e posta-la no fórum para que jogadores de sucesso possam avaliá-la?E então ler as respostas e procurar mais mãos suas onde você cometeu o mesmo erro?

É claro que é engraçado quando o Mr. dowswing perde uma mão por azar quando o nut flush dele é quebrado no river por u full house com 72o.Então você tem uma mão que parecia ser boa (de 100 jogadas) que vale a pena ser postada para colher a simpatia que você merece como um profissional! As 99 mãos anteriores,onde você fez calls ruins e raises irreais e desistiu no SB ou no BB aqui ou ali (com iniciantes normalmente acontece mais),são convenientemente esquecidas.

Não seria mais motivador analizar suas mãos após uma sessão perdedora e concluir que você fez uma sessão break-even se transformar em uma perdedora através de jogadas ruins?

A seguinte frase vem de muitos iniciantes:

"..Eu sei que eu tenho algumas falhas aqui e ali..."

Quando você le algo assim,você supõe que a pessoa que escreveu,acredita que o jogo dela é 70-80% perfeito.Porque aqui e ali com certeza não quer dizer falhas maiores que 30%. No "Ace on the river" Barry Greenstein escreve que toda noite que ele joga poker,ele faz em torno de 10% de calls/raises/folds ruins.Nesse caso,nós podemos parabenizar o nosso iniciante acima,já que ele só está a 10 ou 20% do nível de Barry Greenstein - pena que ele não esteja jogando no mesmo limite.

Entretanto,existe um certo grupo de jogadores para os quais a situação acima é frequentemente aplicável.Esses são jogadores que começar diretamente com um upswing e a princípio não pegam um dowswing.Eles sobem limites com um ritmo incrível e 4-5 BB/100 mãos;durante o upswing deles eles rapidamente chegam a $1/$2 ou acima. E não parece ter o mínimo motivo para eles duvidarem das habilidades deles.Pensar que eles são jogadores ruins seria absurdo (nota do autor: minha carreira de poker começou assim também). Mas derrepente o mundo do poker revida - e revida forte.Eles experimentam o primeiro grande dowswing (que não é realmente um dowswing,e sim jogadas ruins que se torna mais difícil de se manterem em limites mais altos).Eles perdem 150BB ou mais em 1000 mãos e jogar fora metade do bankroll.Psicologicamente,isso parece ser uma situação de azar.

Um processo de pensamento interessante começa na cabeça da maioria dos jogadores:

Tese 1: O meu winrate em 20.000 mãos é 1.5BB/100 mãos.

Tese 2: Jogadores vencedores tem um winrate de 1 BB/100 mãos.

Conclusão : eu sou um jogador vencedor.

Que se segue:

Tese 1: Eu sei que até mesmo jogadores vencedores podem ter dowswings de 200BB ou mais.

Tese 2: Eu sou um jogador vencedor.

Conclusão : Minha perda de 150BB deve ser um downswing,então eu posso continuar jogando como estava jogando que a minha sorte em breve mudará.


Infelizmente,é uma exceção se um jogador ouve o som do alarme que um downswing desses traz. Esses jogadores vão pelo caminho mais fácil e preferem usar a desculpa do downswing.

Aqui um teorema apropriado de Thomas Jefferson:

""Eu acredito em sorte e acho que quanto mais eu trabalhar mais eu a terei."


Mas aqui nós voltamos para o axioma original: "não existem downswings no poker!"

Um pequeno exemplo:

Um conhecido da minha família trabalha como soprador de vidro.No trabalho dele,ele faz um tipo de vidro suave.No entanto,quando soprando o vidro,pode ocorrer do vidro quebrar ou rachar devido independente de não ter havido nenhuma mudança no processo de manufatura.O fato é o seguinte: Quanto mais experiente o soprador de vidro,menor a chance dessas falhas ocorrerem.Vamos supor que nessa empresa existe um aprendiz,que as vezes é permitido trabalhar com o vidro.Mas ele não é bem sucedido em soprar da primeira vez e o vidro acaba,inútil,no lixo.Qual a probabilidade desse erro ser devido a inconpetência momentanea do aprendiz - ou que coisas do tipo acontecem de vez em quando independente do profissionalismo do soprador?

Aonde eu quero chegar é que no começo do estudo,a probabilidade de uma grande perda ser por jogadas ruins é bem maior do que por um downswing.

Existem duas medidas de sucesso no poker.

1. A qualidade da mão postada: Suponha que um jogador A começa a jogar poker e posta 20 mãos no fim de uma sessão.Com o tempo,se conclui que as mãos postadas estão melhorando e algumas contem menos erros.O grau de sucesso é determinado por quão rapidamente a qualidade das mãos postadas melhora.

2. O dinheiro (winrate): Quanto mais mãos nós jogamos em um limite,mais próximo nós chegamos da nossa força real expressa por x BB/100 mãos.

No começo de uma carreira no poker,o método 2 não vale nada.Não importa qual seja o seu winrate em 3.000/4.000 ou 8.000 mãos,raramente será uma medida adequada.

O método 1,no entanto,é o melhor método no começo.

O que você pode fazer para melhorar o seu jogo será discutido nas partes 2 e 3 deste artigo.Concluindo,eu gostaria de mostrar para todos os iniciantes que dowswings no começo da sua carreira no poker,frequentemente são resultado de um jogo ruim,em vez de azar.Por essa razão,se você tiver uma noite perdedora você deve supor que foi porque você jogou mal - e talvez investir mais tempo praticando.




quinta-feira, 24 de dezembro de 2015

Mensagem de Natal 2015



Não existem limites para nossos sonhos,
basta acreditar.

Lembre-se disso no próximo torneio
que você jogar!!!!

Feliz Natal.

quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

Estratégia de Forçar/Desistir


Estratégia de Forçar/Desistir


Não há um jeito simples de você se tornar um jogador de pôquer vencedor, mas existem algumas jogadas simples e de fácil execução capazes de fazer um mundo de diferença para o resultado do seu jogo.

Ajustando ao máximo essas táticas ao seu estilo de jogo, você terá mais ferramentas para colocar em prática à mesa de pôquer. Você será capaz de compreender melhor seus oponentes e como manipulá-los, e isso se transformará diretamente em dinheiro no seu bolso.

Hoje vamos explorar como jogar com poucas fichas usando a estratégia de forçar/desistir, também intitulada de “apostar tudo ou desistir”.

Ao limitar suas opções para apenas duas jogadas simples, você se dá a melhor chance de se recuperar no torneio e chegar longe em suas fases finais.

Apostando tudo e desistindo na hora certa, você consegue:
- Usar suas fichas de forma eficiente para pegar blinds e pingos
- Evitar perder fichas valiosas ao entrar com apostas baixas ou ao aumentar a aposta só para desistir posteriormente na mesma mão
- Fazer suas duplicadas de fichas valerem a pena

O “O Quê”: A estratégia de Forçar/Desistir é exatamente o que parece: Reduzir sua lista de opções a ou apostar tudo ou desistir da sua mão antes de ver as três primeiras cartas da mesa.

O “Por quê”: Quando sua quantidade de fichas cair para menos de 10 big blinds, você não pode mais se dar ao luxo de gastar fichas apostando baixo ou aumentando apostas, só para desistir depois na mesma mão. Se você só ou aposta tudo ou desiste, consegue tirar o máximo proveito de quantas forem as poucas fichas que você tem.

O “Onde”: A estratégia de apostar tudo ou desistir é usada em torneios e em jogos do estilo sit-and-go, onde é comum os jogadores terem poucas fichas devido ao aumento dos blinds.

O “Quando”: A estratégia de pôquer de Forçar/Desistir entra em jogo quando se tem 10 big blinds ou menos.

Forçando/Desistindo do Jeito Certo

O jogador de pôquer iniciante deve sempre tentar tornar suas decisões as mais fáceis e simples possíveis.

A estratégia de apostar tudo ou desistir compreende fielmente essa ideia e, por meio do entendimento de alguns conceitos simples, você será capaz de usá-la para tomar decisões melhores quando estiver com poucas fichas em torneios de pôquer.

A definição de “com poucas fichas” varia dependendo de para quem você perguntar, mas geralmente se aceita que, se você tem dez big blinds ou menos, você está com poucas fichas.

Você deve saber a relação entre a sua quantidade de fichas e os blinds O TEMPO TODO, mas dez big blinds é uma referência especialmente importante a se ter em conta.

Dica de Profissional

Para entender melhor a sua quantidade de fichas tendo em conta os blinds e os pingos, aprenda a calcular a sua proporção M, um modelo desenvolvido pelo ex-campeão mundial Dan Harrington como parte de seu Sistema de Zona.

Por que Apostar Tudo É Melhor que Aumentar uma Aposta?

Com poucas fichas, sua maior preocupação é a sobrevivência, e a melhor maneira de sobreviver é evitar confrontos.

Imagine que você tenha dez big blinds e quem está com o big blind desiste quando você está com o botão. Você aumenta um triplo padrão, e o big blind tem 10 ♥ J ♥.

Muitos jogadores pagariam seu aumento triplo com uma mão assim, mas uma desistência levou você a apostar tudo, todos os dez big blinds.

A menos que você tenha uma mão monstruosa como par de ases ou de reis, é preferível que seus adversários desistam e que você recolha os blinds e pingos.

Ludibriando Todos Até Voltar a Ter Muitas Fichas

Em vez de tentar duplicar sua quantidade de fichas apostando tudo quando estiver com poucas fichas, você pode ir aumentando sua pilha de fichas usando sua posição e a agressividade para ganhar os blinds e pingos.

Em um mundo ideal, todos os seus adversários seriam jogadores passivos e conservadores, que só jogam as mãos importantes, independentemente do aumento dos blinds e do encolhimento da quantidade de fichas.

Mas seus adversários entendem que não podem se dar ao luxo de sentar e esperar por uma mão que pode aparecer ou não, e você deveria fazer o mesmo.

Tenha em conta estes fatores importantes ao resolver apostar tudo ou desistir:
- Você deve sempre ser o primeiro a apostar, a menos que tenha uma mão excelente e queira que seu adversário engorde o pote.
- Quanto melhor for a sua posição, em mais mãos você pode se utilizar desse expediente.
- Se você for enfrentar jogadores impetuosos ou com grande quantidade de fichas nos blinds, restrinja ainda mais a sua atuação. Se os blinds forem criteriosos e só pagam apostas com mãos excelentes, jogue com mais impetuosidade.
- A menos que tenha uma mão monstruosa, ganhar os blinds e os pingos é preferível a arriscar ser eliminado.

Estratégia de Forçar/Desistir na Bolha

A exceção mais importante com relação à estratégia básica de forçar/desistir é quando você está na bolha de um torneio ou de um jogo estilo sit-and-go.

Devido à enorme diferença de valor entre sair na bolha e ganhar algum prêmio, você precisa de uma vantagem muito maior que justifique arriscar a eliminação apostando tudo.

Esse conceito fica mais bem ilustrado por meio da fórmula matemática conhecida como Independent Chip Model (ICM), mas o iniciante só precisa saber que, se for apostar tudo ou pagar a aposta de alguém que tenha apostado tudo no meio da bolha, precisa ter um motivo muito bom.

Se você acha que está só arriscando, como em um jogo de cara ou coroa, simplesmente desista e espere por uma posição melhor.




domingo, 20 de dezembro de 2015

Como Jogar Poker contra Oponentes Loucos - Final


COMO JOGAR POKER CONTRA OPONENTES
 QUE PARECEM LOUCOS OU PSICOPATAS
( Parte Final )


Por: Rafael Justplay


Na semana passada eu falei sobre como jogar contra oponentes que parecem recém saídos de um manicômio (ou jogo do Corinthians, depende) e agem como loucos nas mesas. Hoje é dia de encerrar o exemplo que estava usando e indicar o que fazer para se dar bem nessas disputas.

Temos, então, o seguinte cenário: Você está com JhJc, o flop tem 9c2c6s e o turn trouxe a Qc. São 3 cartas de paus, uma delas maior e que poderia dar um par maior a seu adversário e você está com a ação. Deve liderar e apostar, fazendo com que o inconsequente dê o fold e você fique com um pote pequeno? Deve apostar e ver ele pagar, agora que ele acertou uma pedida e pode te vencer? Deve só passar e esperar ele apostar, para que você pague ou até aumente novamente a aposta?


Apostar fora de posição contra ele demonstra que você pode reduzir seu range a um determinado número de combinações aqui. Ao ver sua ação, ele poderá intuir que você tem o flush, está tentando um semi-blefe com A high pro flush ou mesmo tem uma trinca, dois pares ou mãos tão fortes quanto essas. Isso se acentua se ele repensar nas ações durante toda a mão, onde você deixou claro que tinha uma mão forte. Nesse momento, você só tomaria call de mãos que poderiam te bater, o que deixaria sua aposta cara demais e seria quase como jogar fichas fora. O fato de não estar em posição, nesse momento, até reforça sua ação e pode confundir. O problema é que ao tomar o call ou até mesmo receber uma 3bet nesse momento é algo que você talvez não queira. E ele sabe, com certeza, que não se trata de um blefe seco, ao menos em teoria, já que você comprometeu mais da metade do seu stack até o momento. E sempre tem a chance de ele apostar mais uma vez no turn, já que você dando mesa pode induzir ele a blefar mais uma vez, que é tudo o que você quer nesse momento com uma mão tão forte.

O river veio e é um 4 de paus. Que carta terrivelmente complicada, como todo turn parece ser. Com duas cartas vermelhas na mão, é possível que você já não tenha mais a melhor mão nesse momento. Mas agora podemos pensar no que restou e colocar seu adversário em uma mão.

Você decide apostar mais uma vez, fora de posição. Uma pequena aposta, metade de seu stack nesse momento, que só completa o pote. Sua esperança é espantar seu adversário, caso ele tenha blefado o tempo inteiro. Mas, novamente, no turn sabíamos que ele somente faria algo se estivesse com uma mão decente, uma pedida forte ou um blefe total. Apostando novamente, sobrariam mãos decentes para ele nesse momento. Talvez AJc, AQo, KQo ou A5+ com pedida de flush, talvez alguma outra coisa. Seria melhor ter desligado essa mão? Teria o maníaco nos pregado uma peça dessa vez, ao invés de ser uma máquina de apostas igual tem sido em outros momentos? Apostar aqui não faria nosso oponente fugir com mãos melhores que a nossa, com exceção de talvez um AA, KK onde fossem ambas vermelhas, mas dificilmente ele teria isso dada a construção da mão. Então temos que dar mesa e aguardar a ação dele. Ele te coloca em all in, apostando todas as fichas. O que você faz?

Você foge. Ele mostra A7 de ouros, um blefe. E você mais uma vez perde um pote gigante por não ter pensado claramente, como estamos fazendo nesse momento. Mas entende onde quero chegar com esse exemplo e com essa conversa? Nós temos que pensar o tempo inteiro na construção da mão, em nosso adversário, em tentar entender o que ele está fazendo e o porque de ele estar agindo como está. O blefe total está completamente dentro do range de ações dele, assim como jogar de forma passiva para simular um monstro no river. Ele viu um spot e aproveitou, mais uma vez, já que ele pode ser um louco na mesa de poker mas não é burro. E você, por ter se envolvido sem conseguir pensar nas possibilidades, acabou se comprometendo com o pote e deixando ele para seu adversário.

Quando falamos que o poker é um jogo que não necessariamente depende das cartas é disso que estamos falando, sobre a análise de pessoas. Maníacos tendem a tentar nos confundir o tempo inteiro, com jogadas ousadas, as vezes absurdas, mas que sempre contam uma história. Tamanho de aposta conta. Tempo pensando conta. Perfil do adversário conta. E, mais do que nunca, ter frieza nos movimentos e não ter medo de largar uma mão batida enquanto é tempo são características muitas vezes mais importantes do que conseguir ler a história da mão no momento em que está disputando-a.

Muito longo? Muito técnico? É só um pouco de pensamento analítico, para abrirmos a mente em relação as probabilidades e capacidade de prestar atenção ao que está acontecendo na mesa de poker. Se você pensar nisso vez e outra será capaz de evoluir e ir adiante.


sábado, 19 de dezembro de 2015

Akkari Cai na Segunda Mão do Shark Cage

Na mesa final do torneio Shark Cage, ao lado de jogadores como Phil Ivey, Daniel Negreanu e Antonio Esfandiari, André Akkari joga mal a segunda mão do dia e é eliminado precocemente.

O que você acha da forma que Akkari jogou esta mão???






terça-feira, 15 de dezembro de 2015

Relação de Bônus Grátis Ativos em Dezembro / 2015


Relação de Bônus Grátis
Ativos em Dezembro / 2015


Bônus Grátis SEM NECESSIDADE DE DEPÓSITO




PokerStrategy oferece gratuitamente $10 de capital inicial Clique aqui para ver o Tutorial ).

E agora ficou muito mais facil conseguir seu dinheiro grátis.
Acabou o teste com perguntas. Basta se cadastrar e escolher uma das salas oferecidas para receber o seu capital inicial de $10  ( dez dólares ).

Atualmente eles estão distribuindo um capital inicial GRÁTIS na NetBet Poker e PKR




Eles também oferecem $40 grátis na NetBetPoker, PokerStars, Everest Poker e na BetFred se você fizer um depósito mínimo de $20.
   



YourPokerCash (YPC ) está com um novo bônus grátis!!!

Faça seu cadastro na YPC e ganhe $20 dólares GRÁTIS para começar a jogar Poker OnLine na "LadBrokes" ( veja o Tutorial Completo ).

Além disso, depois de conseguir o dinheiro na Black Chip, você pode solicitar um outro bônus.
São $10 Dólares iniciais na NetBet e mais $10 dólares, liberados a medida que você vai jogando na sala.
Para conseguir esse dinheiro grátis rapidamente basta seguir o Tutorial ( Clique aqui para ver o Tutorial ).




Ganhe Grátis um bônus na "Duck Poker" ($10) oferecido pela BankRollMob 

BankRollMob também distribui diversos bônus em outras salas de poker, mas verifique se o bonus que você escolher está liberado para seu país. Alguns são somente para jogadores de países europeus.

Seguindo os passos do tutorial eles liberam o dinheiro em no máximo 3 dias.






Este talvez seja o melhor e mais fácil bônus de se conseguir.

Basta baixar o programa da 888 Poker, se cadastrar e começar a jogar!!!!

Você vai receber $8 iniciais e a medida que for jogando vão sendo liberadas outras parcelas até $88 dólares 



Clique Aqui para baixar o programa da 888 Poker!!!




Estude as Estratégias Para Vencer no Poker


Para conseguir aproveitar esse dinheiro grátis, que você está recebendo, eu recomendo que você estude as Estratégias do Poker.

Estou sempre divulgando livros e revistas para estudo do jogo, você pode ver diversos e-books sobre o Poker na sessão "Livros e E-books", e na sessão "Dicas e Estratégias"  diversos artigos sobre o assunto.
Mas caso você queira um material mais completo eu recomendo os livros abaixo.

O primeiro é o Curso Rei do Poker de um dos jogadores mais lucrativos no Poker Online, Ivo Gomes "IvoElemento".




Você vai aprender a se tornar também um jogador de poker online altamente lucrativo.
Ganhe dinheiro no conforto da sua casa comece hoje mesmo!
Saiba como investi US$3,3 e faturei US$2140

1. Você nunca jogou poker?
Sem  problema! Aprenda todos os fundamentos teóricos e práticos que precisa em vídeo aulas.

2. Engenharia de Jogo.
Domine a matemática e a probabilidade do poker usando ferramentas exclusivas.

3. Desafio $100 a $1000
Vou lhe ensinar o que se deve fazer para ganhar seus primeiros $1000 dólares com poker.

4. Melhores decisões
Jogue poker de forma inteligente e seja um “jogador pensante” avance rapidamente.

5. Aumente seu faturamento
Aprenda como se manter altamente lucrativo jogando poker.

São 7 Módulos com mais de 30 aula, curso com aproximadamente 5 horas de duração, o melhor custo beneficio, produto exclusivo no HotMart.
Material de apoio, bônus para primeiros compradores e muitas novidades, atualizado mensalmente apoio total.

Clique Aqui e Veja o quanto este curso vai ser importante para melhora o seu jogo!!!




O Segundo é o  "Poker Classe A" escrito pelo Elton “MunhozVs” Rezende.

O Elton passou por diversas dificuldades antes de se tornar um jogador lucrativo, assim como a maioria dos jogadores ao começar no Poker.

E por isso ele decidiu criar uma espécie de atalho pra quem está lutando para se tornar um jogador lucrativo nos MICRO e LOW STAKES mas que ainda não conseguiu obter nenhum resultado satisfatório.

Então o Elton resolveu compilar tudo o que deu certo para ele em um único lugar e quebrar a curva de aprendizado pela metade para que você não tenha que passar por tudo ate se tornar lucrativo.

O "Poker Classe A" foi criado por um jogador de micro stakes para os jogador de micro stakes, um material que é feito para a sua realidade!

No livro você vai aprender:

- Como dominar a arte de jogar em posição.
- Como dominar a matemática do poker.
- Estratégias para jogar o flop.
- Como dominar as apostas.
- Estratégias: Gerais, para SNGs e para MTTs.
- Tells
- Blefes.
E muito mais...

Além do conteúdo descrito acima o produto conta com os seguintes bônus:

Bônus 1 - Tabela de outs e odds do poker que todo jogador deveria saber, mas que a maioria não conhece.
Bônus 2 – Minha estratégia pessoal para MTTs
Bônus 3 – Vídeo analise completa de um SNG de U$2,50 - 180 players
Bônus 4 – Grupo exclusivo para discussão no Facebook
Bônus 5 – Live Sweat do jogador profissional Mike Leah
Bônus 6 – Sessions reviews mensais de torneios jogador por membros do poker classe A

Clique Aqui para Conhecer Melhor o "Poker Classe A"






 Experimente o PokerTracker 4 Gratuitamente

O PokerTracker 4 é uma ferramenta criada e aperfeiçoada por jogadores de Poker.
O PT4 acompanha, analisa e ajuda a melhorar sua performance no Poker OnLine.
Atravéz das informações coletadas de cada jogador nas mesas, o PT4 é um poderoso instrumento para ajudar nas decisões que tomamos em cada mão jogada. 
O PokerTracker 4 suporta "No Limit", "Limit", "Pot-Limit", "Sit-and-Go" e "Torneios Multi-Table".

Aproveite a oportunidade de conhecer o PT4 Completo por 30 dias Gratuito.
Garanto que você vai se apaixonar pelo PokerTracker 4!!!!




Agora você pode também testar o
Holdem Manager 2 DE GRAÇA!!!

Assim como o PT4, o Holdem Manager 2 é uma ferramenta de grande importancia para aqueles que querem levar o Poker à sério!!!

Experimente o programa por 30 dias GRATUITAMENTE.
Use o banner ao lado para acessar a página de DOWNLOAD.


segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

Como Jogar Poker contra Oponentes Loucos



COMO JOGAR POKER CONTRA OPONENTES
QUE PARECEM LOUCOS OU PSICOPATAS
( Primeira Parte )


Por: Rafael Justplay


Se você ainda não viu, vai ver. Se já viu, vai entender perfeitamente essa introdução. Algumas vezes nos deparamos com amigos, colegas ou adversários no poker que se portam como loucos. Aumentam todas as mãos, fazem 3bets com regularidade, ganham diversos potes assustando os adversários e a palavra maníaco pode ser uma das melhores definições para o comportamento dele na mesa. O lado bom disso? Você pode jogar bem contra ele, pode vencê-lo e não precisará mais se lamentar sobre quão louco era o cara que quebrou seu par de A. Vamos pensar na forma prática de enfrentar esses oponentes, agora.

E em primeiro lugar está algo que pode não parecer correto: deixar ele se afundar em um pote contra você. Vamos supor que você tenha um JJ e é um dos primeiros a falar. Na blinda 50/100 você aumenta para 225 e o maníaco reaumenta para 550. Você apenas dá o call aqui, esperando ver o flop de maneira que possa se preparar para o que vier. O flop vem 972 com duas de paus e agora você pode agir de duas formas: tentar apostar por valor e esperar que ele faça uma 3bet novamente ou dar mesa para que ele continue apostando para que você possa pagar. Contra o maníaco, talvez a saída ideal seja esperar ele apostar para que você faça a 3bet aqui. A chance de você tirá-lo da mão com uma jogada dessa existe e, caso isso aconteça, você pode deixar de ganhar algumas fichas. Mas ao mesmo tempo, se você for constante e continuar sendo agressivo quando jogar em mãos contra ele, é possível que você consiga ir controlando um pouco as coisas.



Parando um pouco, vou explicar melhor esse ponto: não é tão vantajoso você espantar seu adversário quando você tem uma mão decente e o flop traz uma textura tão complexa assim. Flush draw, conectores e cartas baixas estão definitivamente dentro do range de ação de um jogador desse estilo. 

A chance de você estar vencendo ele no flop é grande possuindo apenas um over pair mas é melhor que você deixe que ele pense que está no comando da ação, dando a chance de ele ir all in caso você faça o 3bet aqui, ao invés de apostar antes e tirar ele da mão. A questão aqui é entender que o range dele abraça cartas baixas e essa textura de board encaixa no que ele pode acertar, enquanto tudo isso não tira a sua chance de estar na frente. Dê a corda para que ele se enforque, nesse momento. Não importa se a ação que você está realizando é correta se ela for feita pelo motivo errado, você precisa entender bem o que está fazendo e se certificar de que é o momento exato para isso.

Dando sequência a mão, o turn traz uma dama de paus e essa carta acaba sendo muito ruim para sua mão. Ele pode ter completado o flush, pode ter agora um par maior que o seu ou pode continuar não tendo completado nada. Como nossos JJ não são de paus, isso não nos ajudou. E o problema maior é um só: se você sair liderando uma aposta agora, tem duas possibilidades, cuja principal é ele pensar que você realmente tem uma mão forte. Ele vai fugir nesse momento e deixaremos de ganhar ainda mais fichas num board tão complexo quanto esse, que nesse exemplo acaba até sendo aceitável. A outra hipótese é ele realmente ter formado um jogo e ter a certeza de que, embora você tenha uma mão forte, ele pode te bater aqui.

Até aqui, para simplificar, temos: o maníaco está numa mão contra você, ele te coloca numa mão forte, por pagar o 3bet dele no flop fora de posição, ele observa o flop e sabe que não foi algo mágico para você e o turn complicou um pouco as coisas, tanto para você quanto para ele, possivelmente. Uma aposta por valor aqui valeria a pena? Não será mais complexo se você der mesa e ele vier com essa aposta por valor?

Deixarei as perguntas no ar. Voltaremos a falar disso na semana que vem, quero saber como vocês encaram essa mão e o que fariam a respeito dessa Q de paus no turn.

Segunda Parte na próxima semana...

Free no deposit poker bonus at BankrollMob